Blog

24 Sep 2015

 

 

Logo após a comoção mundial pelo menino sírio que trouxe à baila uma discussão importante e necessária sobre a imigração e os refugiados, Cristian foi morto ao se ver no meio do fogo cruzado da polícia com traficantes. Silêncio! Cadê a comoção? O tempo verbal das matérias que tratavam da morte precoce de Cristian é o futuro do pretérito! Ele “teria sido atingido” e a arma encontrada com ele "não seria dele”. O que paira quando se trata da morte de um adolescente negro e pobre é a desconfiança. Desconfiança de que "alguma coisa ele deve ter feito". 

 

Ontem, Herinaldo Vinicius  estava indo comprar uma bolinha de pingue-pongue quando policiais se “assustaram” com a criança correndo e atiraram tirando-lhe a vida aos 11 anos, porque é claro que né... crianças correndo... coisa assustadora...

Please reload

Postagens em destaque

Kalindi - De mim para o mundo com todo o amor do mundo

December 17, 2018

1/5
Please reload

Posts recentes

November 19, 2018

November 10, 2018

November 1, 2018

October 2, 2018

September 4, 2018

August 29, 2018

Please reload

Arquivos