Gestar, Parir, Amar: Não é só começar! 

O que você sabe - e o que você realmente deveria saber - sobre maternidade. 

Com o objetivo de trazer luz a um grande tabu da maternidade moderna: a culpa, este livro verbaliza que a maternidade, tão desejada, celebrada e na qual a autora mergulhou de forma tão intensa é no fundo o principal grilhão que aprisiona as mulheres, quando se trata de igualdade e mobilidade social, política e financeira. É o resultado de anos de reflexões para escancarar o quanto a culpa, alimentada pelo mito do amor materno, é o elemento que sustenta toda desigualdade de gênero que se tenta combater seja nas ruas ou no mercado de trabalho.

Enquanto as mulheres não desmistificarem a ideia desse amor instintivo e o processo de culpa alimentado por ele nunca serão verdadeiramente  livres. 

Essa desconstrução, porém, não pode ser feita de forma irresponsável e às custas da saúde de mulheres, bebês e crianças em um processo de não responsabilidade pelas nossas ações e escolhas e, muito menos, sem trazer os demais responsáveis para a discussão. A discussão precisa ser feita por toda a sociedade e, principalmente, por todas as mulheres.

 

Então, este livro é sobre maternidade, mas ele não é apenas para mães. Ele é para quem já é mãe e para que não é ainda e não quer ser nunca. Ele é para pais, educadores e avós. Para amigas e amigos de mães. Ele é para todo mundo que vive em sociedade. 

UM LIVRO PARA TODAS AS MULHERES

É um livro para mulheres, especialmente mães que desejem compreender como funciona a face mais perversa do machismo na maternidade: a criação do instinto materno, da culpa e de desculpas que fazem as mulheres, especialmente da classe média branca, acreditarem muitas vezes estarem escolhendo algo que não as beneficia em absolutamente nada.

 

Este livro é para você, que deseja ser mãe e quer se preparar para responder aos desafios sem perder a sanidade, pois não apenas enumera problemas, como amplia possibilidades.

 

Se você não quer ter filhos e busca argumentos para fundamentar a sua decisão, este livro vai lhe municiar com a crueza da realidade. Não tema, você é uma de nós e também vai ser acolhida.

 

Se você já é mãe, não importa em que fase esteja, vai encontrar uma resposta libertadora, ainda que irritante num primeiro momento.

 

E se você, como eu, já tem filhos adultos, vai ter a oportunidade de passar a limpo a sua jornada. Foram várias as passagens em que me emocionei ao lembrar de mim como mãe solo do Pedro, hoje um homem do bem e feliz, ufa!

 

Pode ser que você chore durante a leitura, mas vai ser aquele choro bom, de quando conectamos as pontas que ficaram soltas na nossa linha do tempo. Sabe quando tudo faz sentido? Você vai ter vários insights, principalmente, se você sente que não se encaixa em nenhuma tribo.”

 

Priscilla de Sá, psicóloga, coach e palestrante fez a apresentação do livro.

 

LANÇAMENTO EM CURITIBA E SÃO PAULO

Gestar, Parir, Amar: Não é só começar foi lançado em São Paulo no dia 10 de maio de 2019 no Tapera Taperá e em Curitiba no dia 22 de maio no O Locavorista.

 

Quer levar uma Roda de Conversa com o livro pra sua cidade?

 

É só enviar uma mensagem para o contato@taynaleite.com

--------------------------------------------------------------------------------------------


Para mais informações, contatar: Tayná Leite (41 98802-7643) contato@taynaleite.com

Site desenvolvido pela iodit.com.br - Todos os direitos reservados. 2018

Mapa do site

HOME                           SERVIÇOS                   BLOG                     

SOBRE                          NA MÍDIA                    CONTATO

                    

  • Grey Facebook Icon
  • Ícone cinza LinkedIn
  • Grey Instagram Icon
  • Grey YouTube Icon